DESTAQUE: ÁRBITRO LEBIEN SADJA MANÉ HOMENAGEADO EM MANSÔA

Um grupo de jovens e populares do setor de Mansôa, homenagearam o árbitro internacional guineense, Lebien Sadja Mané. O ato contou com a presença dos dirigentes desportivos, administração local, comunidade religiosa e tradicional, colegas do apito, deputado da Nação, amigos e familiares.



Falando a imprensa, o presidente da Comissão organizadora do evento, Mohamed Cissé, disse que o reconhecimento é merecido pelo árbitro e filho de Mansôa. 

"Mansoenses sentiram-se orgulhosos com a conquista da medalha de ouro do árbitro, portanto é bem merecido esta homenagem", referiu o presidente. 

Presente no ato, Fidel Gomes, presidente do Conselho Nacional de Arbitragem assegurou que sempre acreditou que Lebien será um grande árbitro, porque foi o primeiro a estrear o jovem na arbitragem internacional e confiou nas suas potencialidades. 

"Senti orgulhoso com ele, porque fui a primeira pessoa a estrear ele nas competições internacionais", referiu. 

O homenageado, Lebien Sadja Mané, emocionado, agradeceu à comissão pelo reconhecimento e em especial à Artemisa Cuma, antiga árbitra que considerou de "Mãe" e prometeu ainda mais conquistas de medalhas de ouro para arbitragem nacional. 

"Começo por agradecer a senhora Artemisa Cuma, quem me concedeu a oportunidade de triunfar na arbitragem. Ontem vi muitas pessoas como referência e hoje estou aqui a sentir como uma referência dos mais jovens, consegui esta conquista com grande mérito e também dos trabalhos coletivo da equipa de arbitragem guineense", admitiu. 

Por último, Lebien Mané dedicou a medalha de ouro para o seu falecido pai, Gil Mané. 

Importa salientar que o evento de homenagem culminou com um jogo amigável entre as equipas de "Kakut Kakat" e a equipa dos Professores, onde os "Kakut Kakat" venceram por [3-2], a grande partida disputada no campo Corca Sow. 

Jovem árbitro internacional guineense Lebien Sadja Mané, natural de Mansôa, iniciou seu percurso de arbitragem em 2015 e é internacional de apito desde 2016 e já realizou jogos internacionais em várias ocasiões. A conquista da medalha de ouro aconteceu na final do torneio da União das Federações Oeste Africana (UFOA), Sub-17, que decorreu no Senegal no mês de Fevereiro.

© Edson Rodrigues

O Golo GB 

Partilhe no Google Plus

0 comentários:

Publicar um comentário