MIGUEL ABREU DISPONÍVEL PARA REPRESENTAR A SELEÇÃO NACIONAL

O médio luso-guineense Miguel Ângelo Danif Carvalho Abreu que na temporada 2018/2019 foi o médio defensivo com mais golos marcados em Portugal, apontando 13 golos em 34 partidas ao serviço do Moura, disse estar disponível para representar a seleção nacional da Guiné-Bissau, numa entrevista exclusiva dada ao portal Desportivo SOU DJURTU, quando abordado sobre a subida do FC Arouca, seu actual clube à segunda liga portuguesa.


Miguel Abreu de 26 anos de idade que chegou ao Arouca oriundo de Moura onde assinalou a sua melhor época em termos de golos, chegou com a missão de ajudar o clube a regressar às competições profissionais, tendo o mesmo conseguido subir de divisão facto que deixa este médio guineense muito satisfeito. "Depois duma excelente época onde terminei com 13 golos, sendo que em Portugal em todas as competições nenhum médio defensivo marcou tantos golos como eu, acabei por abraçar o projeto do Arouca que havia descido de divisão e que queria voltar mais rápido possível à segunda liga. A época foi muito boa em termos coletivos porque conseguimos alcançar os nossos objetivos e em seis aparições que tive ao longo da temporada consegui marcar um golo numa vitória frente ao Elétrico da Taça de Portugal." referiu Miguel Abreu.

Apesar de ter nascido em Portugal, Miguel Abreu acompanha de perto a seleção nacional da Guiné-Bissau e mostrou-se satisfeito pelas conquistas dos Djurtus nos últimos anos. "A Guiné-Bissau tem excelentes jogadores aqui em Portugal e não só, conheço muitos e até partilhei o balneário com alguns que agora representam a seleção caso do Nanú e Valdú Té, este último estivemos juntos ao longo desta época no Arouca onde também joga outro guineense Assane Baldé." disse Miguel Abreu.

Questionado sobre qual seria a sua resposta caso for convocado para representar a seleção nacional, Miguel Abreu disse estar disponível para defender as cores nacionais a qualquer momento que for chamado sendo este um sonho da criança, mas tudo dependerá do selecionador nacional e salientou que tem simplesmente que continuar a trabalhar e um dia terá a oportunidade de materializar este sonho.

Sobre a sua continuidade no Arouca que na próxima época disputará a segunda liga, Miguel Abreu disse que ainda não recebeu a proposta para a renovação, mas brevemente o seu futuro estará definido. "Arouca vai disputar a segunda liga na próxima época, uma competição onde tive o privilégio de disputar em 2017/2018 pelo Gil Vicente, é uma liga diferente que esta onde estou há duas épocas, mas para mim o mais importante é ter mais oportunidade de demonstrar o meu talento" concluiu Abreu.
Partilhe no Google Plus

0 comentários:

Publicar um comentário