MANELINHO OUVIDO NO MINISTÉRIO PÚBLICO POR ALEGADA CORRUPÇÃO NA FEDERAÇÃO

O presidente da Federação Nacional de Futebol da Guiné-Bissau, Manuel Irénio Nascimento Lopes, foi ontem "1 de junho" ouvido no ministério público em Bissau por alegada má gestão dos fundos doados pela FIFA e CAF, à federação guineense de futebol, entidade que gere a modalidade no país.

Segundo o O GOLO-GB, Manuel Irénio Nascimento Lopes saiu da audição sem prestar nenhuma declaração a imprensa desportiva nacional. 
De acordo com esta mesma fonte, o seu advogado chegou depois da audição e este prometeu falar somente numa conferência de imprensa que será realizada em breve. 

O GOLO-GB recordou ainda que o Ministério Público emitiu no dia  31 de maio 2017, um ‘Mandado’ de buscas e apreensões de documentos na sede da federação de futebol situada em Alto Bandim, Bissau, por suspeitas de irregularidades financeiras da parte dos dirigentes desta instituição de futebol nacional, e adianta que o presidente da Federação Nacional de Futebol da Guiné-Bissau, Manuel Irénio Nascimento Lopes, terá sido suspenso das suas funções temporariamente. 

O GOLO-GB/ SOU DJURTU
Partilhe no Google Plus