GUINEENSE JULINHO INDURE NA INÉDITA CONQUISTA DO ALGARVE CF

O defesa direito guineense sagrou-se Campeão da segunda divisão da Associação de Futebol de Algarve pela recém-criada equipa Algarve CF.

Algarve CF é o mais jovem clube português fundado em 2016 e actualmente tem vários investidores de Singapura e de outros países da Ásia.

No seu primeiro ano como participante nas competições da Associação de Futebol da região, Algarve CF sagrou-se campeão da segunda divisão a uma jornada do fim e conseguiu o feito inédito pelo facto de ser o melhor ataque em Portugal tendo apontado 101 golos a uma jornada do fim, facto que nenhum clube português conseguiu até a altura nesta temporada e este inédito e histórico triunfo desta nova equipa contou com a participação dum talentoso jovem guineense que "Sou Djurtu" foi conhecer. Jovem é do Bairro de "Empantcha" igualmente Bairro do Bruma.

DA ESTRELA NEGRA DE BISSAU PARA A HISTÓRIA DO ALGARVE CF

Chama-se Julinho Quintino Indure, lateral direito de 19 anos natural de Bissau, que abraçou o projecto do Algarve CF para entrar na história do mesmo. O futebolista guineense realizou 23 jogos e maior parte destes jogos actuou como titular tendo apontado um golo.

" A minha chegada ao Algarve CF foi graças ao Mano Ladislau, o conhecido olheiro dos jovens guineenses "Lalau Futebolistas guineenses guiguis", me trouxe aqui para fazer a pré-época com esta equipa numa altura em que a pré-época estava na sua fase final. Ladislau acreditou em minhas qualidades e estava convicto que ia convencer treinador da equipa para ficar no plantel. Foi o mesmo que aconteceu, depois de dois treinos, o treinador me chamou e disse que contaria comigo para a presente época na equipa principal" explicou Julinho antes de agradecer o olheiro Ladislau por todo apoio dado na sua afirmação neste clube.

Julinho Indure chegou a Portugal no Janeiro de 2016 a convite do Futebol Clube de Porto para uma observação, integrou a equipa portista onde realizou vários treinos mas não conseguiu afirmar no Porto por vários motivos onde destacou a " documentação" como o principal, segundo este futebolista, o Porto estava mesmo interessado na sua contratação.

Apesar de não ter ficado neste clube dito "Grande" do futebol português, Julinho promete trabalhar mais para concretizar o seu maior sonho de um dia ser jogador profissional de futebol.

Julinho Indure, fez a uma parte da sua formação na União Desportiva Internacional de Bissau, UDIB antes de mudar para a Estrela Negra de Bissau onde continuou a formação, tendo em algumas ocasiões integrado os treinos e convocatória da equipa principal militar mas sem ter estreado na equipa principal.
in Sou Djurtu
Partilhe no Google Plus