OPINIÃO: CAFÚ TITULAR NO LORIENT AO CABO DE 3 JORNADAS DA PRIMEIRA LIGA FRANCESA

Já foram disputadas 3 jornadas na liga 1 (LIGA FRANCESA DE FUTEBOL), ao longo destas jornadas estive a analizar o desempenho dos jogadores guineenses que disputam este campeonato onde hoje tenho grande prazer de apresentar a minha modesta opinião relativamente a um jovem guineense que realmente está a ser muito destacado no seu clube ao cabo de 3 jornadas sempre aparecendo como titular.

Falo de Carlos Miguel Ribeiro Dias, vulgarmente conhecido por CAFÚ de 23 anos de idade, um grande profissional de futebol que se destacou no VITÓRIA DE GUIMERÃES sendo ali capitão da equipa vimaranense na última edição da liga NOS (liga portuguesa), onde realizou 36 jogos neste clube sendo 35 das quais foi utilizado como titular totalizando assim 3090 minutos.

Ele é um jogador muito disciplinado e muito calmo, prova disso vou vos apresentar os seus dados referente ao capítulo disciplinar: em 36 jogos que disputou no ano passado em Guimarães só teve 4 cartões amarelos, isso é raro encontrar num jogador da sua posição, ele é médio ou seja, joga no meio campo, ao longo de todo o campeonato português da época desportiva 2015/2016 é um dos únicos na sua posição que nunca foi castigado porque não acumulou 5 cartões amarelos e nem foi expulso por acumulação de amarelo ou por ter sido expulso por cartão vermelho directo.


Ontem no jogo frente a Marseille em que Lorient acabou por perder por duas bolas sem resposta, foi de novo titular onde fez grande exibição na qual fez dois remates a baliza, só cometeu duas faltas e sofreu 3, fez 50 passes tendo a eficácia de 96% (isso é obra).

Tenho muito apreço por ele enquanto futebolista, sei que ainda neste campeonato terá muito a fazer, muitos achavam que ele ia ter dificuldades de adaptação ao campeonato francês mas realmente mostrou que tem qualidades para jogar em qualquer que seja campeonato no mundo.

Finalmente gostaria de lançar um apelo aos responsáveis de futebol na Guiné que façam o máximo possível e que lhe apresentem um projecto viável para a nossa seleção, não só que vamos ao CAN, mas que depois do CAN o projecto continue e que ele represente dignamente a nossa bandeira nacional.A nossa seleção precisa de jogadores como CAFÚ que possam contribuir positivamente para o avante da nossa querida equipa nacional.

Por: GERVÁSIO JOSÉ FRANCISCO LOPES
in Sou Djurtu
Partilhe no Google Plus